segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Governador destaca ações de empregabilidade em evento na FIERN

ASSECOM/RN
Na manhã desta segunda-feira (28), o governador Robinson Faria participou do 29° Seminário “Motores do Desenvolvimento”, na sede da Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (Fiern), em Natal. Desta vez, o tema discutido entre autoridades políticas, especialistas e gestores da área econômica foi a empregabilidade.
Na oportunidade, Robinson Faria destacou ações do governo que proporcionam geração de emprego e renda no RN. Entre elas, a segurança jurídica que o estado oferece aos empreendedores e benefícios como o Proadi (Programa de Apoio ao Desenvolvimento Industrial do RN). “Oferecemos um ambiente favorável para os investidores e um mercado promissor para novos negócios. Com o Proadi, cerca de 110 empresas estão ativas, gerando aproximadamente 26 mil empregos diretos”, explicou.
O governador enfatizou ainda que a agilidade na liberação de licenças ambientais também tem contribuído para a instalação de novas empresas. “Em menos de dois anos, o IDEMA liberou mais de seis mil licenças ambientais, que resultarão em 40 mil empregos a médio e longo prazo”, disse. 
Durante o discurso, o Chefe do Executivo Potiguar evidenciou também o programa Microcrédito do Empreendedor, que já beneficiou 80 municípios e cinco mil empresários do Estado, injetando na economia cerca de R$ 14 milhões. A expectativa é que até o final de 2018, sejam beneficiados 20 mil empreendedores do RN.
Ainda sobre o tema, Robinson falou sobre o Escritório do Empreendedor, ação pioneira do governo que centraliza em um único local os serviços de vários órgãos para facilitar a abertura de negócios. Apenas no primeiro mês, o local registrou 1500 atendimentos e abertura de 167 novas empresas.
“O governo está empenhado em enfrentar a crise, com criatividade e muito trabalho. Estamos abertos ao diálogo e somos parceiros de empresas que tenham interesse em investir no Rio Grande do Norte e com empreendedores que tragam mais oportunidades de emprego e renda para a população”, concluiu o governador.
O presidente da FIERN, Amaro Sales de Araújo disse “que o grande desafio no país é gerar novos postos de trabalho, debater e criar medidas para estimular os empreendedores, além de investir no capital humano”.
Um dos palestrantes do evento, o empresário e CEO das Lojas Riachuelo, Flávio Rocha parabenizou o governo pela preocupação com a empregabilidade no estado e os incentivos oferecidos a empresa. “Com uma visão moderna, clara e transparente, o governador mostrou que é possível criar um ambiente receptivo. Um dos pontos que podemos destacar é o incentivo do programa RN Gás +, que beneficia a empresa com o fornecimento de gás natural canalizado e tem contribuído para a preservação de cerca de 8 mil empregos só aqui no estado”, informou Rocha. 
Motores do Desenvolvimento
O projeto foi criado para apresentar uma série especial de suplementos e seminários que pretende liderar um processo de discussão sobre os motores do desenvolvimento da economia do RN. O “Motores do Desenvolvimento” é um projeto realizado em parceria entre o jornal Tribuna do Norte e Sistema FIERN, desenvolvido em parceria com a Fecomércio, UFRN, RG Salamanca Investments e com o apoio do Governo do Estado.
Senhor JESUS CRISTO o nosso único Salvador 
DETRAN/RN

O Detran/RN vai abrir o credenciamento para as empresas que atuam com desmanches de veículos, venda de peças usadas e reciclagem de sucatas em todo o Estado. Os representantes das empresas podem procurar o setor de Registro de veículos do Detran para se cadastrar a partir de 1º de novembro e têm um prazo de 60 dias para coletar toda documentação exigida. A partir do dia 1º de janeiro de 2017 terá início a fiscalização.
Pela lei, o registro das empresas cadastradas terá validade de 1 ano para a primeira vez, e 5 anos depois da primeira renovação. A medida é uma forma de se adaptar à Resolução do Contran nº 611 de 24 de maio de 2016 que regulamenta a Lei Federal n.° 12.997 e disciplina a atividade de desmontagem de veículos automotores terrestres e estabelece critérios para a baixa de registro de veículos a que se refere, assim como os prazos para efetivação.
As definições para implantação do credenciamento foram discutidas hoje pela manhã numa reunião entre o diretor geral do Detran/RN, Marco Medeiros, o delegado titular da Delegacia de Defesa da Propriedade de Veículos e Cargas, Licurgo Nunes Neto, e a delegada adjunta da Deprov, Millena Fonseca. Para definir as medidas para cumprimento da legislação, também estiveram presentes representantes dos setores envolvidos no Detran: o Chefe de Gabinete Antônio Henrique Medeiros; o Procurador Matheus Fontenele; a Subcoordenadora de Informática, Lena Campos; o Subcoordenador de Fiscalização e Infração, César Pedrosa; a assistente Técnica da Procuradoria de Justiça do Detran, Lúcia Mansur; e o programador de Informática Anielisson Sales.  
Segundo o diretor Marco Medeiros, a integração entre os órgãos de trânsito e a Deprov é importante para efetivar a legislação e, assim, possibilitar saídas para combater os crimes de furtos, roubos e clonagem de veículos. “O Detran/RN está engajado para fazer cumprir a legislação e contribuir com o que for possível para  criar barreiras que impeçam a prática desses crimes”, reforçou o diretor do órgão.
A fiscalização será feita entre as autoridades de trânsito (Detran, PRF, STTU, DNIT) em parceria com os órgãos e entidades de Segurança Pública e secretarias de tributação para vistoriar se a empresa possui instalações e equipamentos que permitam a remoção e manipulação dos materiais com potencial lesivo ao meio ambiente, tais como fluídos, gases, baterias e catalisadores; local de desmontagem dos veículos isolada fisicamente de qualquer outra atividade; piso impermeável nas áreas de descontaminação e desmontagem do veículo, bem como na de estoque de partes e peças; área de descontaminação isolada, contendo caixa separadora de água e óleo, bem como canaletas de contenção de fluidos; responsável técnico junto ao CREA para execução das atividades de desmontagem de veículos; capacitação técnica; e deve ainda apresentar relação de empregados e ajudantes, em caráter permanente ou eventual, devidamente qualificados.
A lista com a documentação necessária para se cadastrar no DETRAN/RN pode ser conferida neste link.
 
Assessoria de Comunicação Detran/RN
- See more at: http://www.detran.rn.gov.br/Conteudo.asp?TRAN=ITEM&TARG=129645&ACT=&PAGE=0&PARM=&LBL=ACERVO+DE+MAT%C9RIAS#sthash.Ux3SFbcT.dpuf

Nenhum comentário:

Postar um comentário