Governo Temer sonda ex-ministro Pedro Parente para presidir Petrobras

Informações: Folha de São Paulo
                                             Informações: Folha de São Paulo
O presidente interino Michel Temer busca um nome para comandar a Petrobras. O mais cotado dentro no momento é o ex-ministro da Casa Civil Pedro Parente.
Na avaliação de assessores de Temer, o futuro presidente da estatal, que passa pela pior crise de sua história, precisa ser um profissional experimentado na recuperação de empresas e na reorganização de estruturas.
Pedro Parente tem ainda a qualificação de ter servido ao governo de Fernando Henrique Cardoso, o que seria mais uma ponte com o PSDB, partido considerado vital por Temer para ajudar a aprovar suas medidas no Congresso para superar a crise.
O presidente interino já decidiu trocar o atual presidente da petroleira, Aldemir Bendine, o que deve ser feito nas próximas semanas. Ele pode, porém, manter na estatal o diretor de Finanças, Ivan Monteiro, profissional elogiado pelo mercado financeiro pelo trabalho de reestruturação da dívida da empresa.

Senhor JESUS CRISTO o nosso único Salvador
AnteriorPagina Anterior ProximaProxima Pagina Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário